Revista Central: a informação em tempo real com credibilidade

quinta-feira, 2 de julho de 2009

TV Verdes Mares: Quixadá faz passeata pela paz

Paz e segurança. É o pedido dos moradores de Quixadá, no Sertão Central, onde os assaltos são cada vez mais frequentes. Nessa quarta-feira (01), a cidade parou durante uma hora para um protesto.

O dono de um comércio foi morto em um assalto no último domingo (28). Jurandir de Oliveira Lima, de 65 anos, teria reagido e levou um tiro no peito. É apenas um dos muitos casos registrados pela delegacia da cidade. O delegado reconhece que a situação é grave. Já que o número de policiais para investigar os crimes não aumentou e as ocorrências são cada vez mais frequentes.

O comércio da cidade é o principal alvo dos bandidos - a maioria motoqueiros, usando capacete, que fogem sem ser identificados. Para não ser a próxima vítima, o comerciante Marcos Pires decidiu fechar mais cedo todos os dias.

Cansada de ser vítima de tantos assaltos, a população resolveu fazer um protesto na Praça José de Barros, no Centro de Quixadá. Durante uma hora o comércio parou para que todos pudessem se reunir em um pedido de paz e segurança.

Entre 9 e 10h as lojas mantiveram as portas fechadas. Vestidos de branco, com faixas, os moradores de Quixadá disseram que querem de volta a tranquilidade da cidade do interior.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública, o policiamento em Quixadá vai ser reforçado com a inclusão do município no programa Ronda do Quarteirão. A assessoria de imprensa informou que a data ainda não foi definida, mas assegurou que deve ocorrer até o fim deste ano.

video

2 comentários:

Fran disse...

Dizer que a vítima Juradir reagiu é muito imaturo porque esta afirmação não condiz com a realidade dos fatos.

DIARIO CENTRAL disse...

Prezado(a) Leitor(a);

Agradecemo o seu comentário.Sobre a informação que a vitima reagiu foram passada pela policia. Desde já agradecemos o seu comentário.


A direção.

Mande para seus amigos do orkut, twitter etc!
|
Google Analytics